CUIABÁ

POLÍCIA

“Rapunzel do crime” é solta e nega ter praticado golpes em Cuiabá

Publicados

POLÍCIA

Kamilla Gonçalves Vieira, 26 anos, conhecida como ‘Rapunzel do crime’, que ganhou fama após ser presa no dia 09 de novembro desse ano deixou a cadeia após 29 dias presa e diz ser inocente de acusações. A influencer deu uma entrevista ao ‘Programa Mais Mato Grosso/TV Educa Mais News’, onde rebateu as acusações das supostas vítimas.

Kamilla é acusada de ter feito mais de 50 vítimas, com golpes de estelionato, furto, roubo e vários outros crimes. No principal deles, que o levou à prisão, Kamila é acusada de ter alugado uma residência de luxo toda mobiliada no bairro Nossa Senhora Aparecida, em Cuiabá, e ter furtado todos os pertences do imóvel. Segundo o proprietário, foram levados ar condicionado, geladeira, prataria, roupas de cama e peças de banho.

Segundo a polícia, Kamila havia se mudado para outra residência. No local, há suspeita que de também estivesse cometendo furtos de objetos de alto valor.

Um depósito da casa foi encontrado com sinais de arrombamento. O dono da residência deu falta de quatro relógios, sendo um Rolex; violão, pedras preciosas e pratarias de ouro. As pratarias de ouro foram encontradas pela polícia dentro de um baú que ficava no quarto da influencer.

Leia Também:  Funcionários e cavalos morrem após serem atingidos por raio em MT

No entanto, Kamila rebate as acusações e diz que os móveis que ele disse que ela estava vendendo seriam de sua propriedade. Inclusive, ela teria notas fiscais para provar o que disse. Kamila alega ser dona de uma loja virtual de roupas de bebês, formada e que tinha uma renda consideravelmente média.

A influencer disse durante a entrevista que o apelido de Rapunzel foi dado de forma carinhosa pelo filho, por causa de seus apliques longos, e não pelos golpes aplicados como foi divulgado pela imprensa.

A mulher disse também que todas as suas coisas, móveis, eletrodomésticos foram subtraídos por ‘falsas’ vítimas de seus golpes. Kamila disse que está vivendo de ajuda de amigos, até que consiga recuperar sua imagem diante da sociedade.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Bandidos atiram no pescoço de vítima durante assalto em MT

Publicados

em

Um homem de 55 anos foi baleado durante um assalto a uma residência localizada no bairro Jardim Liberdade, na cidade de Rondonópolis (212 km de Cuiabá). A tentativa de latrocínio aconteceu na noite desta terça-feira (18).

O homem foi atingido por um tiro de raspão no pescoço.

Segundo as informações da Polícia Militar, a equipe foi acionada por volta das 20h para atender a uma ocorrência de um roubo, onde a vítima havia sido baleada pelos bandidos.

Já no local, o homem relatou aos militares que estava na porta de casa quando foi abordado por dois homens armados. Em posse de um revólver calibre 38, os criminosos o renderam e o levaram para dentro da residência.

A vítima relata ainda que, por várias vezes, os criminosos perguntavam pelo dinheiro. Em certo momento, os bandidos entraram em um dos cômodos, onde estava a esposa da vítima que levou um susto e gritou, fazendo com que o suspeito efetuasse o disparo que acertou o homem de raspão.

Na sequência, a dupla fugiu em um Uno branco, com apoio de um terceiro suspeito. A vítima foi socorrida e levada para uma unidade de saúde.

Leia Também:  Operação Blatta cumpre mandados contra investigado por homicídio ocorrido em abril deste ano

O caso foi registrado e entregue à Polícia Civil que investiga o crime.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA