CUIABÁ

CIDADES

Jayme cobra construção de 20 mil casas em MT

Publicados

CIDADES

Visando potencializar duas políticas públicas essenciais para Mato Grosso e sua população, e que geram emprego, renda, qualidade de vida e a propagação indireta de 52 atividades econômicas, o senador democrata Jayme Campos (DEM/MT), viabilizou recursos para construção de 20 mil novas residências, sendo 5 mil neste ano de 2021 através do Ministério do Desenvolvimento Regional e com o Ministério do Meio Ambiente a formalização de um Termo de Cooperação Técnica para que o Governo do Estado de Mato Grosso possa executar obras no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, um dos pontos turísticos mais visitados no Brasil e no Centro Oeste.

“Encaminhamos dois pedidos que considero essenciais. A questão de obras de habitação popular, que são essenciais e que geram emprego e renda, além da qualidade de vida e fomentam o comércio e a indústria e a execução de obras de infraestrutura no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, principalmente no Véu das Noivas e no Portão do Inferno, dois dos mais importantes pontos turísticos que são valorizados em todo o Mundo e que necessitam de investimentos em infraestrutura para atender aqueles que desejam conhecer os mesmos”, disse o senador Jayme Campos.

PUBLICIDADE

Ele fez questão de lembrar que suas audiências com os ministros Rogério Marinho e Joaquim Alvaro Pereira Leite, respectivamente, ministros do Desenvolvimento Regional e do Meio Ambiente respectivamente, atenderam pedido do governador Mauro Mendes que deseja investir recursos de Mato Grosso nessas duas políticas fundamentais para contemplar a população.

Leia Também:  Bazar do Bem tem aumento de doações em VG

As audiências foram acompanhadas pelo secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda e pelo presidente da MTPAR – Mato Grosso Participações, Werner Santos, que são os responsáveis pelas áreas de habitação e turismo que o Governo Mauro Mendes quer potencializar investindo recursos do Tesouro Estadual para que elas gerem emprego, renda e principalmente aqueçam a economia local.

“Solicitei a liberação de recursos da Caixa Econômica Federal (CEF) para financiar a construção de 20 mil casas pelo programa de casas populares do governo de Mato Grosso e mesmo não tendo disponibilidade para financiar todas as unidades habitacionais neste momento, o ministro afirmou que vai buscar a liberação de, pelo menos, 5 mil moradias ainda em 2021”, explicaram o secretário César Miranda e o presidente da MTPar, Werner Santos.

Segundo Jayme Campos, o encontro foi produtivo e mostrou o empenho do ministro Marinho em apoiar projetos importantes como este do governo de Mato Grosso que busca construir e entregar moradias à parcela da população que mais precisa de assistência. “Sem dúvidas a demanda por moradia em nosso Estado é ainda muito grande, mas a sinalização de liberação de recursos necessários para a construção de 5 mil casas deve ser comemorada”, afirmou.

Leia Também:  Coronéis acusados de fraudar boletim de urna eletrônica serão julgados nesta quarta

No tocante a audiência com o novo ministro do Meio Ambiente, Joaquim Álvaro Pereira Leite, deve resultar na assinatura de um termo de cooperação para a execução de obras de infraestrutura turística no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães que está sob guarda do Governo Federal, através do Instituto Chico Mendes de Conservação Ambiental (ICMBio).

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CIDADES

Comendador Frederico Müller visita Casa do Zeca, entidade assistencial do Vereador Rodrigo Arruda e Sá

Publicados

em

 

O comendador Frederico Müller Coutinho, proprietário do jornal Folha do Estado, esteve nesta quarta-feira (15.06), visitando a entidade “Casa do Zeca” cujo fundador e presidente de honra é o vereador Rodrigo Arruda e Sá.

A entidade foi criada em 2018 como uma forma de homenagear o avô de Rodrigo, José Carlos de Arruda e Sá, o “Seu Zeca”, que durante muitos anos teve bicicletaria e comércio na Rua do Meio (atual Ricardo Franco).

“Meu avô ajudava muitas pessoas e em homenagem a ele eu criei a Associação Beneficente de Ajuda ao Cidadão (Abac) para dar continuidade ao seu legado”, explicou o vereador.

O comendador Frederico Müller conheceu toda a entidade (veja vídeo apresentado pela presidente Ana Lúcia) e ficou impressionado com o trabalho realizado. “A Casa do Zeca presta um serviço essencial à comunidade Cuiabana em setores onde a população mais precisa e merece nossa atenção e colaboração”, comentou Frederico Müller.

“A Casa do Zeca, tem como foco prestar assistência aos menos favorecidos, nas áreas jurídica e da saúde, entre outras ações. Para isso, contamos com o trabalho de voluntários comprometidos em fazer o bem”, explicou o vereador, lembrando que a entidade precisa de apoio da comunidade para dar continuidade a seu trabalho.

Leia Também:  Justiça mantém multa a empresa por descumprir Decreto no auge da Covid em Cuiabá

“Precisamos da ajuda de todos para fortalecer e ampliar as ações de amor ao próximo, realizadas pela Associação. As pessoas que trabalham com a gente são profissionais competentes e comprometidos, com o atendimento voluntário, seja na área de Saúde, na clínica médica, odontológica, de terapia e de psicologia; seja na área jurídica, prestando atendimento na área da saúde, do consumidor e da família”, disse Rodrigo Arruda e Sá.

A Casa do Zeca atende adultos e crianças em vulnerabilidade social e que necessitam de assistência. “Fazemos esse trabalho de forma voluntária, imbuídos do desejo de ajudar as pessoas e fazemos isso com muita dedicação”, disse o vereador, reforçando que a entidade precisa de doações de todo tipo, seja de roupas, alimentos, dinheiro ou mesmo de trabalho voluntário. “Seja mais um voluntário e junte-se a nós, nesse trabalho de Amor e Solidariedade!”, completou o vereador Rodrigo Arruda e Sá.

 

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA